Como saber se a direção do automóvel está alinhada

Title

Como saber se a direção do automóvel está alinhada

Para que o carro siga o melhor percurso rodoviário, é necessário que a direção do seu automóvel esteja alinhada. Saiba manter o alinhamento correto da direção do seu veículo de forma a assegurar um menor desgaste dos pneus e um menor consumo de combustível. Uma direcção desalinhada obriga o automóvel a trabalhar de forma forçada e isso acarreta prejuízos enormes para o seu carro e para a sua carteira. Compreenda que o alinhamento da direção do carro contribui e muito para o equilíbrio do seu veículo na estrada e, ao mesmo tempo, garante um maior conforto de condução nas suas jornadas.  

A direção e o alinhamento do automóvel

A direção de um automóvel e o alinhamento do mesmo são dois conceitos que se encontram intimamente ligados entre si. A direção é o sistema responsável pela mudança de trajectória das rodas. Enquanto o alinhamento do automóvel permite a coordenação das rodas sob um determinado ângulo, o que facilita o controlo da direção; um mau alinhamento da direção faz com que as rodas não se dirijam no mesmo sentido, tornando-se, dessa forma, um dos problemas que mais contribui para o aumento dos custos de manutenção do automóvel.

As componentes da direção automóvel

Os componentes principais da direção de um automóvel são: o volante; a coluna da direção e as barras transversais que se encontram conectadas às rodas do automóvel.

Atualmente, todos os automóveis possuem direção assistida, o que permite um melhor manuseamento do veículo e uma condução mais leve e exacta. Trata-se de um sistema do tipo hidráulico que é acionado quando o condutor vira o volante, pois esse movimento ajuda as engrenagens a moverem-se de uma forma mais fácil na direção pretendida. Em todo o caso, os sistemas de direção assistida elétricos, por serem mais compactos e por tornarem a direção ainda mais leve quando conduz dentro dos limites rodoviários, deverão substituir gradualmente os sistemas hidráulicos.

Os elementos do alinhamento automóvel

O alinhamento das rodas permite optimizar a estabilidade de um automóvel, reduzindo o desgaste assimétrico do pneu e a possibilidade de perda de aderência ao piso da estrada. Para que entenda este procedimento, é fundamental conhecer os elementos que constituem o alinhamento das rodas do automóvel. São eles: a convergência/divergência, o camber, o caster e a inclinação do cavilhão.

A convergência/divergência: Teoricamente, as rodas frontais devem ser paralelas quando apontadas para a frente, no entanto, na prática, verifica-se que se obtêm melhores resultados quando as rodas se apresentam convergentes ou divergentes, pois a direção fica mais firme e não existe um maior desgaste nos pneus. O princípio da convergência é quando o ajuste das rodas é mais fechado na extremidade dianteira que na traseira, como que afunilando o veículo. A divergência é quando as rodas têm um ângulo mais aberto na extremidade dianteira que na traseira, o que permite por exemplo curvar com mais segurança;

O caster: O caster é o principal responsável pela estabilidade do seu automóvel. Quando o caster está desigual, isso faz com que uma roda esteja a puxar para um determinado lado, o que faz com que o automóvel em linha recta descaia para um dos lados da faixa de rodagem. Desta maneira, independentemente de ter uns bons pneus, os mesmos serão corroídos rapidamente, o que reduz a sua vida útil;

O camber (cambagem): É o angulo de inclinação das rodas em relação à vertical. O camber é determinado pela inclinação da parte superior da roda, para dentro ou para fora do veículo, e tanto pode ser positiva ou negativa. Se o camber for positivo, o desgaste será no ombro externo; e se for negativo, o desgaste será no ombro interno;

A inclinação do cavilhão: Na grande maioria dos automóveis, o ângulo de inclinação do cavilhão da manga de eixo não tem regulação. No entanto, a verificação deste assume uma importância elevada, uma vez que permite tirar conclusões quanto ao estado dos componentes da direção e da própria estrutura da carroçaria.

Como saber quando deve alinhar a direção do automóvel

Verificar se o automóvel tem a direção alinhada é uma tarefa difícil de ser medida, pois o desgaste é lento e progressivo. Contudo, o seu automóvel apresenta determinados sintomas que lhe indicam que a direção está desalinhada. Interprete os sinais que o seu automóvel lhe transmite, assim conseguirá poupar muito dinheiro na sua manutenção. Os indícios que mostram uma direção desalinhada são:

A travagem: O mau funcionamento do sistema de travagem pode ocasionar irregularidades direccionais permanentes ou durante as travagens e isso aumenta a distância de travagem e o queimar desnecessário dos pneus. Verifique se os travões funcionam corretamente antes de tomar qualquer medida;

A carga do veículo: Se o estado da carga do veículo for diferente do recomendado, provavelmente os valores recomendados para os vários ângulos da geometria da direção e do eixo traseiro, também serão diferentes dos especificados, o que faz com que o carro seja obrigado a trabalhos forçados;

A altura do veículo em relação ao solo: Os veículos devem ser posicionados em alturas específicas para uma melhor verificação ou regulação da geometria da direção;

O desgaste dos pneus: Quando os pneus apresentam um desgaste excessivo na área de ombro, ou as rodas apresentam uma determinada trepidação, principalmente as dianteiras, isso revela uma má geometria o que causa o desgaste prematuro dos pneumáticos. A direção deve ser alinhada sempre que se mudem os pneus do automóvel;

O volante rígido: Se na condução o volante do seu carro se apresentar muito duro, isso poderá ser sinónimo de que a direção não está corretamente alinhada e isso obriga a um maior desgaste das peças, o que conduz a um desempenho mais fraco na estrada;

A performance na estrada: Um bom teste que pode ser efetuado para verificar se a direção do seu veículo está alinhada é quando o condutor larga as mãos do volante numa reta da estrada; se o automóvel tende para um dos lados, isso quer dizer que a direção está desalinhada e é necessário acertar a mesma para ter um maior conforto nas suas viagens;

O combustível: Se detetar que, sem qualquer razão aparente, o seu automóvel está a consumir mais combustível, isso pode dever-se ao facto da direção estar desalinhada. Quando as rodas não estão alinhadas com a direção, o automóvel estará a ser forçado para que mantenha a sua performance. Porém, quando exige mais do seu veículo, ele necessita de ser alimentado com mais frequência, daí o motivo dos consumos dispararem.

A revisão de todas as peças é fundamental para que o seu automóvel tenha o melhor desempenho na estrada. É aconselhável alinhar ou proceder a uma verificação do alinhamento de 20.000 em 20.000 km, ou uma vez por ano. Assim conseguirá poupar o seu carro a esforços suplementares e ganha dinheiro com isso. O alinhamento da direção é a melhor maneira de evitar acidentes e de usufruir tranquilamente de todos os prazeres que a condução lhe oferece.

artigos relacionados

Amolgadelas

O mundo dos superdesportivos está reservado a...

Amolgadelas

À medida que o tempo vai avançando vão surgindo novos...

Amolgadelas

Se já constituiu família e está na altura de abandonar o...

Amolgadelas

Após um longo período em que a criatividade das marcas...

Amolgadelas

Quando se pensa em seguro automóvel lembramo-nos logo...

Amolgadelas

O sistema de alerta de ângulo morto foi inventado pela...

Amolgadelas

Ter um acidente automóvel não é seguramente algo pelo...

Amolgadelas

Ao longo dos tempos sempre foram aparecendo mitos e...

Amolgadelas

Quando temos um carro existem alguns pontos que devemos...

Amolgadelas

Existem muitas dúvidas quando se fala da garantia de um...