Novo Jaguar XF e XFR

Título

Novo Jaguar XF e XFR

A Jaguar revelou no Salão Automóvel de Nova Iorque, a nova gama XF de 2012, da qual fazem parte os renovados XF e o superdesportivo XFR que receberam uma atualização de estilo e um novo motor diesel de 2,2 litros.

Com base no mais recente design aplicado ao modelo XJ, a gama XF é a expressão emocionante da nova e arrojada linguagem da Jaguar. A nova geração da berlina XF apresenta um conjunto de faróis dianteiros com tecnologia LED, num perfil que se prolonga pelos cantos da carroçaria até aos guarda-lamas dianteiros. Por outro lado, é de destacar que a nova grelha frontal é maior e mais robusta e incorpora novas aberturas triangulares laterais.

Mais atrás, o destaque vai para a mala que foi redesenhada com uma lâmina cromada e para a elegância dos faróis traseiros que fazem com que o veículo tenha uma maior delicadeza e funcionalidade.

A nível de interiores, a gama XF é mais descontraída, confiante e luxuosa e isso deve-se à qualidade dos seus acabamentos e às novas tecnologias que incorpora. O volante é em couro e pode ser aquecido, assim como os bancos dianteiros. Destaca-se o sistema de chave inteligente Jaguar Smart Key System™, o controlo de velocidade de cruzeiro JaguarVoice™, comandos de áudio que incluem o volume e seleção de estações de rádio memorizadas e software de entretenimento. Todas estas tecnologias fazem com que a gama XF seja uma referência na sua classe.

A série XF dá a escolher entre seis motores excecionais: três versões do aclamado Jaguar V6 diesel de 3,0 litros com 211, 240 e 275 cavalos de potência; um V6 a gasolina de 3,0 litros com 238 cv; um V8 a gasolina de 5,0 litros com 385 cv e um V8 a gasolina Supercharged de 5,0 litros para o XFR com a potência impressionante de 510 cv. O coração desportivo da Jaguar bate mais depressa no Supercharged XFR e isso deve-se à potência de um motor V8 com Sistema Dinâmico Adaptativo e Controlo do Diferencial Ativo que estimula a máxima eficiência na estrada.

Contudo, na Europa, a elevada cilindrada do V6 é penalizada pela fiscalização e, como tal, os responsáveis da Jaguar escolheram o conhecido 2.2 TDCi/HDi de origem Ford/PSA com dupla sobrealimentação, quatro cilindros, capaz de desenvolver 190cv e 450 Nm de binário máximo para equipar os seus veículos. Este motor é também utilizado nos Land Rover Freelander e Range Rover Evoque. Acoplado a uma transmissão automática de oito velocidades e tecnologias como o start&stop, a Jaguar promete atingir 8,5 segundos dos 0 aos 100 km/h, consumos na ordem dos 5,4 litros aos cem e 149 g/km de emissões de CO2.

A alta performance destes modelos beneficiaram de uma série de atualizações, incluindo a estilística aerodinâmica, a suspensão dinâmica adaptativa (como no XFR) e uma performance de corrida, o que faz com que a marca britânica seja uma das mais consistentes no panorama automobilístico internacional.

O novo XF estará à venda em Setembro, com preços a partir de 34.895 euros/80.023 reais para o motor diesel de 2,2 litros, subindo para 73.682 euros /168.972 reais para o XFR.

notícias relacionados

A Honda vai passar a vender a partir de 2018 o seu...

Para quem um Audi R8 Spyder não é suficiente, a Audi...

A Audi apresentou a nova geração do luxuoso Audi A8,...

Amolgadelas

A última edição do Pebble Beach 2016 contou com uma...

Amolgadelas

A BMW voltou a dar um toque no BMW 2002 Hommage concept...

Amolgadelas

O McLaren 570GT by MSO Concept é a última novidade da...

Amolgadelas

A Nissan andou a preparar um protótipo 100% elétrico...

Amolgadelas

A Ford atualizou o Kuga com a versão ST-Line de forma a...

Amolgadelas

A Bristol renasceu das cinzas e volta-se a apresentar ao...

Amolgadelas

A BMW divulgou o BMW M5 Competition Edition, edição...